Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Círculo do Graal - Moçambique

Despertai! Somente na convicção repousa a verdadeira crença, e a convicção só vem através de exames e análises irrestritas! Sede seres vivos na maravilhosa Criação de vosso Deus!

Círculo do Graal - Moçambique

Despertai! Somente na convicção repousa a verdadeira crença, e a convicção só vem através de exames e análises irrestritas! Sede seres vivos na maravilhosa Criação de vosso Deus!

02.06.18

Submissão

circulodograal

sub_blog.jpg

 

“Seja feita a Tua Vontade!” Pessoas que creem em Deus pronunciam estas palavras com submissão! Vibra sempre, porém, uma certa melancolia em suas vozes ou transparece em seus pensamentos e em seus sentimentos intuitivos.

Tais palavras são empregadas quase que exclusivamente onde um sofrimento inevitável se alojou. Lá onde o ser humano reconhece que nada mais pode fazer contra.

Então, se ele crê, fala numa inativa submissão: “Seja feita a Tua Vontade!”

Não é, porém, humildade que o faz falar assim, mas essas palavras devem proporcionar-lhe tranquilidade em relação a uma coisa onde ele próprio não tem mais possibilidade de fazer algo.

Esta é a origem da submissão que o ser humano em tal caso exprime. Fosse-lhe concedido, contudo, a menor possibilidade de uma alteração nisso, ele não perguntaria qual a Vontade de Deus, e seu devotamento resignado mudaria logo para a seguinte forma: Seja feita a minha vontade!

Assim é o ser humano!

“Senhor, faze comigo como quiseres!” e idênticas cantigas se ouvem muitas vezes durante os enterros. No seu íntimo traz, porém, cada ser humano enlutado a inabalável vontade: “Se me fosse dado mudar isto, imediatamente o faria!”

A submissão humana nunca é legítima. No âmago da alma humana jaz ancorado o contrário disso. Uma revolta contra o destino que lhe vem ao encontro, e é exatamente essa revolta que a faz sofrer, que a “oprime” e curva.

O que há de doentio nisso é o emprego erróneo do sentido destas palavras: “Seja feita a Tua Vontade!” Elas não pertencem ao lugar em que os seres humanos e as igrejas as utilizam.

A Vontade de Deus reside nas leis da Criação! Portanto, sempre que o ser humano diz: “Seja feita a Tua Vontade!” Isso equivale à afirmativa: “Quero prezar e seguir Tuas leis na Criação!” Prezar quer dizer considerar; levar em consideração estipula, porém, viver em conformidade! Só assim pode o ser humano prezar a Vontade de Deus!

Todavia, se ele a considera, se ele quer viver segundo ela, tem antes de mais nada que conhecê-la também!

Mas é exatamente neste ponto que a humanidade terrena pecou da maneira mais tremenda! A criatura humana até agora jamais se importou com as leis Divinas da Criação! Isto é, não se importou com a sagrada vontade de Deus. Entretanto, nunca cessa de repetir sempre de novo: “Seja feita a Tua Vontade!”

leia mais sobre o tema… Submissão – Volume I

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Calendário

Junho 2018

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930